colegiorainha@servita.com.br     (21) 3392-0284 / 3392-7102 / 3392-8588

Estudando com os filhos: como estimular o gosto pelo aprendizado

“Educação começa em casa”, diz a famosa frase sobre bons costumes desejáveis às crianças, mas que também pode ser aplicada ao ensino de matérias escolares. Isso porque o melhor incentivo ao estudo vem do seio familiar, desde os primeiros passos dos pequenos. Portanto, não se desespere se a paixão e o cultivo pelo aprendizado não forem naturais a personalidade de seus filhos, pois saiba: essa também pode ser uma qualidade adquirida. Para isso, voltemos aos clichês: as afirmativas “tudo é hábito” e “somente a repetição leva à perfeição” nunca fizeram tão sentido para um tema, já que a rotina é mesmo a principal aliada para motivar o estudo.

O primeiro passo é abrir um diálogo franco com a criança e entender os motivos que a levam a não querer fazer o dever de casa – ou manter uma rotina de estudo. Fale sobre a importância do aprender e mostre seus cadernos de infância, caso ainda os tenha, como forma de exemplificar e demonstrar empatia.

Feito isso, é fundamental estabelecer um tempo em seu dia para sentar junto a seus filhos para fazer o dever de casa e estudarem a lição dada na aula. Pensando na concentração dos pequenos, sente com eles em um ambiente tranquilo, sem interferências externas, como celular, televisão e computador, por exemplo.

Para aumentar as chances da criança se dedicar aos estudos, é importante também que elas tenham tempo de brincar, entendendo assim o momento certo para cada coisa. Ao estudarem juntos, não estimule a memorização, mas, sim a compreensão. Como? Fazendo com que eles expliquem, com as próprias palavras, o que entenderam de cada lição do dia, após o estudo.

Para auxiliar o aprendizado, recorra a métodos lúdicos: para exercícios geométricos, busque objetos de sua casa para criar identificação com triângulos, quadrados e círculos, por exemplo; já para as aulas de história e português, você pode encenar um teatro de fantoches; bem como pode fazer paródias de suas músicas preferidas para falar de temas relacionados à aula. Você também pode fazer experiências, exemplificando as aulas de ciências.

Aos poucos, dedique menos atenção exclusiva a isso, passando a supervisionar de longe, para que a criança entenda que pode estudar sozinha, mas acionando os pais em caso de dúvidas, claro. Vale ensiná-los a pesquisar, em livros ou internet (em locais de escolha prévia dos pais), estimulando essa autonomia. Ressalte a importância em não copiar conteúdos.

Vale lembrar que, muitas vezes, a falta de compreensão na aula inibem a aplicação deles nas matérias. Caso você também não saiba tirar a dúvida, recorra aos professores. Assim, vocês dois aprendem e passam, juntos, para a próxima lição. E, por fim, faça programas culturais com seus filhos, levando-os a museus, teatros e parques, estendendo o aprendizado a uma forma mais interativa.

Vídeos
Como Chegar
Contatos
Av. Geremário Dantas, 769
Pechincha - Rio de Janeiro – RJ

(21) 3392-0284 / 3392-7102 / 3392-8588
colegiorainha@servita.com.br

Scroll Up